VENCEDORES DO MÊS DE OUTUBRO DE 2017

Didi
Pug Charlotte
Dara - PetRun Floripa SC 3º lugar

Dicas e Curiosidades || Dica: Adotar um co adulto

Dica: Adotar um co adulto

A grande maioria das pessoas que buscam um animalzinho, preferem que este seja um filhote.

Realmente os cães e gatos filhotes nos cativam facilmente. São frágeis, dóceis, brincalhões e divertidos. Parecem briquedinhos. Inspiram cuidados. Mas os animais adultos também têm seu encanto e merecem uma chance. Eles, assim como os filhotes, também esperam ansiosos pela adoção, para enfim ganharem uma casa e um dono que os ame e respeite.

As pessoas dizem que os animais acolhidos ainda pequenos aprendem mais facilmente os hábitos da casa e a conviver com as pessoas que nela habitam. Porém a adaptação, na nova casa com seus novos donos, também pode ocorrer sem problemas no caso de um cão adulto.

Assim, aqui vão 10 razões para se adotar um cão adulto:

1. Cães adultos dificilmente choram à noite nos primeiros tempos em sua nova casa, como fazem os filhotes, com saudades da mãe e dos irmãozinhos da ninhada.

2. Quem adota um cão adulto já sabe ao certo o tamanho exato deste animal. Muitos filhotes crescem mais do que o esperado o que pode vir a ser, muitas vezes, um transtorno para seus donos.

3. Cães adultos estão mais preparados para passar parte do tempo sozinhos em casa, sendo os companheiros ideais para aquelas pessoas que trabalham fora, ficando ausentes de casa durante o dia todo. Os filhotes geralmente sofrem muito mais com a solidão e exigem muito de seus donos no sentido dar-lhes atenção e companhia.

4. Cães adultos são (imunes) ou mais resistentes a maioria das doenças que podem matar na fase de filhote. Infelizmente, quando se adota um filhotinho, principalmente se vindo das ruas, este pode sim vir a falecer por causa de doenças como a cinomose, por exemplo, fazendo com que seu novo dono sofra muito com sua perda prematura. O mesmo dificilmente ocorre no caso de cães adultos.

5. Cães adultos já sabem como se comportar. Já aprenderam a fazer xixi no lugar certo e a comer sem fazer estripulia, não exigindo assim de seu dono o tempo, a atenção e a paciência necessários para ensinar um filhote a se comportar. Só quem já teve um filhote em casa sabe quanto xixi e cocô se tem que limpar até que este aprenda onde fazer suas necessidades!

6. Cães adultos no geral não fazem as estripulias típicas dos cães filhotes e adolescentes. São mais calmos. Dificilmente saem pela casa destruindo sofás, roendo pés de cadeiras, ou pegando e rasgando todas as roupas e sapatos que vêem pela frente sem mais nem menos.

7. Um cão adulto, por ser mais ágil e resistente, pode ser o companheiro ideal para crianças. O que crianças querem é correr, pular e rolar pelo chão com seu novo animalzinho e um cão filhote, muitas vezes, não aguenta este ritmo tão intenso. Por outro lado, crianças pequenas demais também podem acabar machucando cães filhotes por não saberem ao certo como carregá-los, alimentá-los, etc., o mesmo já não acontece no convívio entre cães adultos e criancinhas.

8. Ao se adotar um animal adulto, já se tem noção de sua personalidade, sendo mais fácil escolher aquele que melhor vai se encaixar as expectativas e a rotina de vida de seu novo dono. Como ocorre com nós humanos , apesar da influencia do ambiente onde fomos criados, os cães podem também apresentar diferentes temperamentos. Nos canis onde se podem adotar cães, sabem informar quais são os animais mais dóceis, tranqüilos, os que se dão bem com crianças, aqueles que se dão melhor com outros animais, os que são mais agressivos, etc., passando estas informações de antemão para os interessados na adoção dos animais. Já com um filhote, não se sabe ao certo como será moldada sua personalidade.

9. Cães adultos podem ser, muitas vezes, adotados já castrados, evitando assim que seu novo dono sofra com a ocorrência de crias indesejadas; também evitando que seu dono tenha que se preocupar com o período certo para se fazer a castração e com os cuidados pós-operatórios, necessários no caso das fêmeas.

10. Por terem sido abandonados e por terem sofrido muito nas ruas, os cães adultos adotados geralmente são muito gratos a quem os acolhe e dá amor, desenvolvendo laços muito fortes de amizade e carinho com seus donos, o que muitas vezes não acontece no caso de cães criados desde filhotes com seus donos.

Viram como um cão adulto também pode ser legal! E muito do que foi dito aqui vale também para os felinos.

Assim, se você está pensando em levar um bichinho de estimação para casa, lembre-se que cães e gatos adultos também podem ser uma boa opção.


Por: Frances Roveri Marques
Fonte: UPAR - União Protetora dos Animais de Rua

COMENTÁRIOS

← VOLTAR

Publicidade

Gerao Pet

Cadastre-se e receba ofertas exclusivas!