VENCEDORES DO MÊS DE NOVEMBRO DE 2017

Didi
Pug Charlotte
Dara - PetRun Floripa SC 3º lugar

Raças de Cachorros || SRD - Sem Raça Definida

SRD - Sem Raça Definida

O vira-lata (Brasil), ou rafeiro (Portugal) é a denominação dada aos cães ou gatos sem raça definida, SRD, como são geralmente referenciados em textos veterinários. O termo vira-lata deriva do fato de muitos desses animais, quando abandonados, serem comumente vistos andando famintos pelas ruas revirando latas de resíduos em procura de algum alimento. Geralmente os cães e gatos considerados sem raça definida são mestiços, descendentes de diferentes raças.



Os SRD (sem raça definida), por outro lado, são todos os cães e gatos que não têm origem definidas em um pedigree que é um certificado emitido por entidades oficiais atestando a ascendência do animal. Para obter um pedigree o animal tem que ter pais com o mesmo certificado. Entidades certificadoras exigem verificação de ninhada e mais recentemente a aplicação de microchips por veterinários. O animal pode ter a aparência de um cão de raça mas só o certificado atesta. Hoje, com o avanço dos exames de DNA, provavelmente há possibilidade de se definir se um cão é de uma determinada raça ou não, mas são exames ainda caros.



Nem sempre um SRD é um vira-lata, ou seja um animal abandonado. Se houver qualquer mistura de raça (incluindo a cruza de dois animais de raça ou um de raça e um vira-lata) esse animal já será considerado um SRD. Um dos aspectos mais interessantes do vira-lata é a sua variedade.



Encontram-se SRD's de todas as cores e tipos, de todos os temperamentos. Ainda existem algumas características, como o fato de que costumam ser muito inteligentes e afetuosos, variando de acordo com as características herdadas. Normalmente o SRD resgatado das ruas tem um temperamento mais dócil e companheiro que os outros cães.



Origem



Se o vira-lata é qualquer cachorro que não possui pedigree, é possível afirmar que sua origem está diretamente ligada a evolução do cachorro como espécie, há 14 – 17 mil anos.



Em tempos remotos, pouco foi escrito sobre os cães. Apesar de já haver tipos conhecidos de cães que foram se desenvolvendo com o tempo com mínima à nenhuma intervenção humana, eles foram se moldando através de seleção natural para sobreviverem ao ambiente (clima, geografia, alimentação, cultura humana, etc) que viviam.



Cuidados



Como todos os cachorros, os Vira-Latas precisam de todos os cuidados básicos necessários para se manterem saudáveis e felizes.



A quantidade de exercício vai depender do nível de energia que o seu cachorro precisa gastar – peça a ajuda do veterinário nesse quesito. Não deixe de todos os dias trabalhá-lo mentalmente e fisicamente.



Você deve escovar os dentes do seu SRD, pelo menos, duas ou três vezes por semana para remover a formação de tártaro e as bactérias que se escondem no seu interior. Para uma melhor prevenção de problemas na gengiva ou mau hálito, o ideal é que a escovação seja feita diariamente.



Apare as unhas uma ou duas vezes por mês, se você não tem tanta experiência em cortar unhas caninas, peça para um tosador ou veterinário fazer isso por você. As unhas podem sangrar quando cortadas muito curtas.


← VOLTAR

Publicidade

Gerao Pet

Cadastre-se e receba ofertas exclusivas!